Portal das CalopsitasPortal das Calopsitas

Tudo o que você precisa está aqui!
Pesquisar no site:

Início / Cuidados Básicos / Adquirindo sua calopsita / Orientações

 

 



PROCEDÊNCIA


A principal orientação a esse respeito é adquirir a ave de fonte confiável, de preferência diretamente de um criador recomendado, pois além de os valores serem consideravelmente menores do que os de lojas, você terá informações importantes como a idade da ave, a coloração dos pais,  orientação de como melhor cuidá-la, etc.   Se possível,  visite as instalações do criador para conhecer melhor o manejo das aves, ambiente, higiene, alimentação, etc.

Não generalizando, mas aves comercializadas em lojas/petshops passam por um estresse maior decorrente das mudanças de ambiente criador-intermediador-loja e, aliado às condições inadequadas (infelizmente) de uma grande parte dos estabelecimentos, esses fatores acabam contribuindo para o desencadeamento de doenças, acarretado pela baixa imunidade que o estresse acaba propiciando.  Se você optou em adquirir um exemplar em loja, certifique-se da saúde da ave antes de levá-la para casa.


NÃO COMPRE FILHOTE PARA ALIMENTÁ-LO NO BICO

Um criador/vendedor responsável somente vende aves mansas já independentes, isto é, alimentando-se sozinhas,  o que costuma ocorrer por volta dos 70, 80 dias de vida.  Fuja de vendedores que induzem a você adquirir o pássaro ainda filhote para  você continuar alimentando-o no bico em casa, mesmo que os preços sejam atraentes e lhe orientem como alimentar.  Pode ser um procedimento muitas vezes prazeiroso para quem adquire o pássaro, mas exige um conjunto de experiência e cuidados necessários sem os quais pode levar a ave à morte, além do que o comprador estará pagando muitas vezes o mesmo preço de uma ave já comendo sozinha.  Afora isso, a fase entre sair da alimentação no bico e iniciar a alimentação por conta própria tem que ser bem conduzida pelo criador para que a calopsita se torne independente dentro do tempo adequado.

 

Fuja de sites que vendem aves mansas, principalmente as que você não possa escolher, ver ao vivo

Criadores usam da prática de alimentar o filhote para deixá-lo manso, mas muitos que se dizem ser criadores são incompetentes quanto aos procedimentos mínimos necessários para alimentar nessa fase tão importante da vida, que exige inclusive tempo, paciência, alimentação e manejo adequados, muitas vezes levando-o à morte, por debilidade ou doença.

Por essa razão, não recomendamos a se aventurar em alimentar um filhote, prefira adquirí-lo já comendo sozinho.  Esta é a orientação do portal, esta á a nossa campanha!

 

Independentemente se você for adquirir a calopsita como animal de estimação, ou para servir de matrizes para criação, algumas características da ave devem ser analisadas no ato da aquisição, como :

 
  • beleza da plumagem (as penas em volta da cloaca devem estar limpas e secas, isto é, sem sujeira de fezes)
  • olhos brilhantes, sem secreção
  • narinas secas, sem apresentar secreções
  • pés e pernas firmes 
  • ave ativa, esperta
  • desconfie de ave sentada no fundo da gaiola, sonolenta, com penas eriçadas
  • para quem está procurando aves prontas para reprodução, procure adquirir com anilha para você ter mais segurança com relação à idade da ave e procedência e diretamente de criador. Outra questão que não dá para se ter garantia no momento da aquisição, é se a ave foi ou será um bom reprodutor.  Os criadores tendem a vender as suas aves que não criam bem aos aviários (o que chamamos de descarte); tente apostar na aquisição de filhotes para formação de casais.
 

O valor da ave varia de acordo com alguns fatores : região (cidade), coloração da ave,  a questão da procura x oferta, se em loja ou diretamente do criador, se domesticada ou não.  O preço médio de uma calopsita domesticada é de R$150,00-R$200,00.

Tenha em mente que o tratamento e a relação com uma calopsita adotada como animal de estimação não podem sequer ser comparados a um cão ou gato.  Procure se informar, leia aqui no portal um pouco sobre o que é esta linda ave, e se você realmente vai dispor condições de ter um em sua casa.

Aproveite e leia uma matéria que saiu na revista Veja, com nossos comentários tentando desmistificarmos determinadas colocações veiculadas na mídia.

 

PARA QUEM VENDE E PARA QUEM COMPRA

Temos observado com frequência que vem crescendo a compra de filhotes de calopsitas ainda não totalmente independentes (já comendo sozinhos).

O que ocorre é o seguinte :

O criador/vendedor entrega o filhote que supostamente ja estaria comendo sozinho, entretanto,  ao chegar na casa do comprador, o filhote estranha o ambiente, e aquela fase inicial de aprendizado na alimentação tem seu ciclo cortado, o que pode levar ao que chamamos de "regressão", isto é, a ave pára de se alimentar, torna-se desnutrida e fraca, muitas vezes não percebida pelo novo dono.

Então, nossa recomendação é :

VENDEDOR/CRIADOR -: não disponha de suas aves à venda imediatamente quando passarem a comer sozinhas.  Aguarde uma, ou mais semanas, tantas quanto forem necessárias, para ter a certeza que o filhote está se alimentando sozinho de forma adequada. Esse prazo é variável, depende do manejo do tratador (como que é feita a passagem da alimentação no bico para as sementes), algo em torno de 75 a 80 dias.  Aves alimentadas pelos pais ficam independentes com 60, 65 dias de vida.

COMPRADOR : antes de adquirir um exemplar, procure analisar toda a ave, se está forte, saudável, se realmente está se alimentando sozinha, e esperta. Não acredite na idade que o vendedor lhe passar, siga seu instinto, perceba detalhes que possam mostrar que a ave ainda está muito novinha ou não, ou peça ajuda de pessoas que já possuam calopsitas. 


O QUE FAZER?

Toda a ave recém chegada passa por um processo de adaptação ao novo ambiente, e isso pode fazer com que a ave fique sem comer por um ou dois dias.  Para que a ave se adapte o mais rápido possível, deixe-a num ambiente tranquilo, evite pegá-la a todo custo, para que se sinta segura e passe a comer regularmente.

Se mesmo assim, a ave tentar comer e não conseguir descascar sementes, é possível que a ave realmente seja muito nova, e não esteja totalmente pronta para comer sozinha.  Sugerimos procurar o criador e devolver a ave para que seja alimentada até estar realmente comendo por si só.  


 


 

Para quem busca aves para reprodução, os valores podem ser bem variáveis.  Mesmo as colorações mais comuns, existem qualidades que um criador experiente valoriza e paga por isso, ainda que o valor seja maior do que a média geral, tais como:

  • adultos prontos para reprodução
  • bom porte
  • beleza diferenciada
  • tamanho grande
  • mutações que a ave porte geneticamente

 



Mapa do Site   |  Direitos autorais   |  Veterinários   |  Livro de Visitas   |  Fornecedores   |  Aves Perdidas/Encontradas   |  Criadores   |  Grupo de discussão

© Portal das Calopsitas - Todos os direitos reservados - Phelipp de Avila - Web Designer, Design Gráfico e Wordpress Theme Developer - 1 usuário online.